6.28.2016

Janot pede virada histórica e nova representação política e Delator cita propina de R$ 30 mi a Jucá, Renan e Braga


:
No mais político discurso de sua carreira, o procurador-geral Rodrigo Janot bradou contra praticamente toda a elite política brasileira, nesta segunda-feira (27), durante a abertura de um seminário que vai discutir os grandes casos criminais do Brasil e da Itália; ele disse que movimentações de políticos tentam frear as investigações da Lava Jato e afirmou que o Ministério Público "não se sujeitará à condescendência criminosa" em favor de uma" pseudo estabilidade destinada a poucos"; para Janot, a operação revelou que políticos e empresários transformaram "o Estado em um clube para desfrute de poucos"; "Chegou a hora de quebrarmos também os grilhões do patrimonialismo, de nos libertarmos de um modo de ser que não nos pertence, daquele malfadado jeitinho associado à corrupção da lei que não traduz nossa verdadeira natureza. É hora de nos desvencilharmos da cultura de espoliação e do egoísmo. O país fartou-se desse modelo político", disse

Jos� Cruz/Ag�ncia Brasil - ABr: <p>Bras�lia - O presidente do Senado, Renan Calheiros, o l�der do governo no Senado, Eduardo Braga, e o senador Romero Juc�, durante sess�o para analisar a Medida Provis�ria 595, a MP dos Portos</p>
Em novo acordo de delação na Lava Jato, o ex-diretor de Relações Institucionais do grupo Hypermarcas, Nelson Mello, afirmou em depoimento que pagou R$ 30 milhões a dois lobistas para efetuar repasses a senadores do PMDB, entre eles, Renan Calheiros, presidente do Senado; Romero Jucá, ex-ministro de Michel Temer; e Eduardo Braga, ex-líder do governo no Senado; também cita o presidente afastado da Câmara, Eduardo Cunha; segundo ele, o objetivo era “proteger” o mercado que representava, porque o setor “tinha que ter uma proteção legal”; grupo também é acusado pelo ex-presidente da Transpetro Sérgio Machado de receber R$ 70 milhões em propina; os parlamentares negam; Renan reiterou nunca ter recebido "vantagens de quem quer que seja"

2 comentários:

Derli disse...

E sobre o aÓcio o janot não falou nada?

Antonio Celso da Costa Brandão Brandão disse...

O Aécio é blindado.